Chás para cólica menstrual e intestinal; aprenda receitas

Atitudes simples fazem diferença no combate às dores. Nas cólicas menstruais, por exemplo, deitar de barriga para baixo, consumir alimentos com ação anti-inflamatória, fazer atividade física leve e tomar chás para cólica estão entre as melhores soluções.


As ervas medicinais podem auxiliar no tratamento de diversos problemas. Conheça hoje as principais receitas de bebidas para reduzir o desconforto nos períodos femininos mais complicados ou naquelas cólicas intestinais que deixam qualquer pessoa à flor da pele.

  • Calêndula – possui óleos essenciais (glicósidos amargos e flovonoides); é anti-inflamatória, cicatrizante, antisséptica, dexintoxicante e hemostática. Para aliviar a cólica menstrual, ferva 1 xícara de água, acrescente 1 colher de sobremesa de flores de calêndula; espere agir por 10 minutos e coe. Um detalhe importante: o chá de calêndula para cólica deve ser tomado 10 dias antes da menstruação.
  • Camomila – calmante e antiespasmódica, alivia estresse e cólicas. A receita é assim: em 1 xícara de água fervida, acrescente 1 colher de sobremesa de flores de camomila. Aguarde 10 minutos e coe. Pode ser ingerido durante o mês todo.
  • Folha de Framboesa – ferva 1 xícara de água, coloque 1 colher de sobremesa de folhas de framboesa, tampe e deixe agir por 10 minutos. Depois, basta coar. E está prontinho o chá que é tônico e adstringente; alivia cólicas menstruais e auxilia na redução do fluxo exagerado. Consuma a bebida também 10 dias antes de chegar a menstruação.
  • Gengibre – contém propriedades anti-inflamatórias e analgésicas, sendo uma excelente alternativa para dor menstrual. Mas pode ser consumido o mês inteiro. Para isso, ferva 1 xícara de água, coloque 1 colher de gengibre ralado. Aguarde 10 minutos e coe.
  • Orégano – é um dos melhores tratamentos caseiros para cólica menstrual. Seu poder diurético ajuda a eliminar toxinas do organismo, favorecendo tanto o alívio do desconforto feminino quanto as dores de cabeça que muitas vezes acompanham a cólica. Ferva 1 xícara de água, adicione 1 colher de sobremesa orégano. Deixe repousar por 10 minutos e coe. O chá de orégano pode ser consumido o mês inteiro.
  • Verbena – com certeza, um dos chás para cólica mais eficientes, pois a verbena é antiespasmódica. Em 1 xícara de água quente, adicione 1 colher de sobremesa da erva; aguarde 10 minutos e coe. Mas comece a preparar e beber o chá 10 dias antes de menstruar.
  • Vitex – essa erva que mais parece com bolinha de pimenta é utilizada como regulador hormonal, além de combater a síndrome do ovário policístico, aliviar os sintomas da TPM e da menopausa. Seja em tintura ou chá de vitex. Para fazer a bebida, é só colocar 1 colher de sobremesa de vitex em 1 xícara de água fervida. Espere 10 minutos, coe e está pronto! Deve ser tomado 10 dias antes da menstruação.

Chás para cólicas intestinais

Louro, erva-doce e camomila

  1. Ferva 4 folhas de louro, 1 colher de chá de camomila, 1 de sopa de erva-doce durante 5 minutos, na medida de 1 xícara de água
  2. Coe e tome 1 xícara desse chá a cada 2 horas

O chá de louro, erva-doce e camomila possui propriedades antiespasmódicas que ainda ajudam a reduzir o desconforto provocado pelos gases.

Outra dica para cólica intestinal é beber bastante água.

Muitas vezes, a cólica intestinal vem acompanhada por outros problemas e incômodos como a dor de barriga. Veja mais opções de chás:

Chás para dor de barriga

  • Boldo – o mais famoso para dar um fim à dor de barriga, pois cuida especialmente do fígado em situações de intoxicação alimentar. Por tabela, age na cólica
  • Camomila – acalma o estômago, reduzindo cólicas e enjoos
  • Erva-doce – evita os gases
  • Endro – reduz os enjoos e dores
  • Macela – trata o que está afetando no fígado e alivia as dores
  • Hortelã – minimiza enjoos e cólicas

Renove o seu bem-estar dando adeus às cólicas com os chás certos! Mas não deixe de fazer seus exames e consultas médicas regularmente, ok?

Até breve com muito mais…

Recomendados para você:

Compartilhe com seus amigos!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •