Chás para queda de cabelo: receitas de aplicar e beber

Chás para queda de cabelo são boas opções para combater um problema que afeta homens e mulheres, e tem causas diversas. Hoje, eu trago dicas naturais que auxiliam no fortalecimento dos fios – e da autoestima, é claro!

Antes de sair por aí gastando rios de dinheiro com produtos caros, vale a pena recorrer aos chás para queda de cabelo. Porém, não deixe de fazer uma visita ao seu médico para verificar as causas do incômodo, que pode ser resultante de estresse, má alimentação, genética e até hormônios.

Recado passado, veja a seguir o que a natureza oferece para dar uma forcinha aos seus cabelos, agindo tanto na prevenção quanto na queda deles, sendo a primeira parte com ênfase nos chás para queda de cabelo aplicáveis, isto é, que você passa nas madeixas:

  • Amoreira

1. Em uma xícara de chá, coloque 2 colheres (sopa) de folhas de amoreira picadas.
2. Despeje água fervente e abafe.
3. Deixe a infusão repousar até o líquido esfriar.
4. Coe o chá e aplique no couro cabeludo com algodão.
5. Faça uma massagem delicada usando as pontas dos dedos e deixe este, que é um dos melhores chás para queda de cabelo, agir por 30 minutos.
6. Lave os fios como de costume em seguida.

As recomendações gerais sobre o chá de amoreira incluem ainda: o ideal é aplicar a receita acima no mínimo três vezes por semana, se a queda dos cabelos for muito intensa; e não tomar sol enquanto o preparo estiver no couro cabeludo e logo após a lavagem dos fios.

Outro aliado, que serve de bioativo na produção de xampus, condicionadores e cremes é o jaborandi. Anote aí o modo de fazer o chá dessa planta famosa nos cuidados com os cabelos:

  • Jaborandi

1. Triture folhas de jaborandi até conseguir a medida de três colheres (sopa) da planta.
2. Despeje a erva uma panela com água e leve ao fogo.
3. Assim que o líquido levantar fervura, ou seja, formar as bolinhas no fundo do recipiente, conte três ou quatro minutos.
4. Depois da fervura, tire a panela do fogo e tampe o chá.
5. Aguarde 10 minutos de descanso do chá de jaborandi.
6. Após esfriar, aplique a receita como se fosse uma loção; umedeça um chumaço de algodão e passe suavemente no couro cabeludo, massageando.
7. Espere cerca de 30 minutos e remova o chá da cabeça lavando os fios normalmente.

Tal qual o chá de amoreira, o de jaborandi também pode ser aplicado três vezes por semana, caso estejam caindo muitos fios. Um detalhe é que, além da possibilidade de aplicação local, o chá de jaborandi pode ser bebido (2 ou 3 xícaras por dia).

Atenção: este post tem função de informar. O conteúdo disponibilizado aqui não substitui consultas e remédios prescritos por dermatologista ou outra especialidade. Plantas medicinais podem ter contraindicações e interações medicamentosas. Consulte sempre um naturopata ou fitoterapeuta e seu médico antes de começar qualquer tratamento.

Toda planta ou erva medicinal pode trazer em sua composição substâncias químicas com potenciais alergênico, inflamatório e intoxicante; alguns são abortivos.

Chás para queda de cabelo: mais receitas e dicas

Agora, anote aí outras sugestões de chás para queda de cabelo – desta vez os que devem ser ingeridos…

  • Alfavaca

1. Em um recipiente, misture as ervas alfavaca, chapéu-de-couro e tanchagem, previamente picadas.
2. Coloque 1 litro de água para ferver.
3. Logo que o líquido entrar em ebulição, adicione 3 colheres (sopa) das ervas misturadas.
4. Apague o fogo, deixe a receita em infusão até esfriar.
5. Coe o chá e tome (geralmente, de 2 a 3 xícaras por dia).

  • Cebola

1. Leve uma xícara de água ao fogo com cascas secas de cebola ou, se preferir, pedaços frescos dela (o resultado é igual).
2. Espere ferver durante alguns minutos e apague o fogo.
3. Aguarde o chá ficar morno, coe e beba – até três vezes por dia.

Dica extra para quem não curte muito o sabor da cebola: adoce o chá com mel ou açúcar mascavo.

Espero que as dicas de chás para queda de cabelo possam ajudar você, mas não deixe de consultar seu médico!

Até a próxima!

Recomendados para você: