Chás típicos de cada região do Brasil: Conheça os mais populares

As regiões brasileiras são muito diferentes entre si, não é mesmo? São diferentes sabores, fauna e flora diversificada e climas extremos. Porém, existe uma unanimidade: em todas elas o chá está presente na alimentação e na culinária do brasileiro, mesmo nas regiões mais quentes, como o Norte e Nordeste.


Outra coisa que podemos observar sobre os chás típicos de cada região do Brasil, é que eles estão intimamente relacionados às plantas que são cultivadas em cada estado. Ou seja, em lugares de clima quente, são consumidos chás de plantas que se desenvolvem naquela região e o mesmo acontece com os chás consumidos nos estados mais frios. A seguir vamos falar mais sobre o assunto, citando quais são os chás típicos e seus benefícios. Continue lendo!

chás-no-brasil

Chás típicos da região Sul

Produzido com a erva mate, o chimarrão é a bebida tradicional da região Sul. Em algumas cidades, além do mate, é comum que os sulistas também acrescentem outras ervas a bebida, como o hortelã e o chá verde. Dentre os seus principais benefícios estão as suas propriedades diuréticas, que agem contra a retenção de líquidos; Ele também é rico em antioxidantes, que protege as células do envelhecimento precoce, mantendo-as saudáveis; Por fim, o chimarrão também é um aliado da boa digestão.

Chás típicos da região Centro Oeste

O guaco é a planta tradicional da região Centro Oeste e bastante consumido na forma de chá. Ele é tradicionalmente conhecido por tratar gripes e resfriados, agindo no sistema respiratório e fortalecendo a imunidade. O chá de guaco possui ação broncodilatadora, o que contribui para a melhoria da respiração, é um poderoso antiinflamatório e age na eliminação de impurezas do organismo.

Para as pessoas que estão em busca desses benefícios, o recomendado é consumir três xícaras por dia, sendo que o excesso pode causar vômitos. Além disso, o chá de guaco não deve ser consumido por mulheres grávidas, e nem por pessoas que fazem uso de medicamentos anticoagulantes.

Chás típicos da região Sudeste

Já na região Sudeste, o chá preferido é o de camomila, planta muito conhecida por ser um clareador de cabelos natural e comumente usada na fabricação de cosméticos com essa finalidade. Se consumido na forma de chá, a camomila possui propriedades medicinais e calmantes. O chá de camomila também ajuda a combater o estresse e proporciona noites de sono mais tranquilas, sobretudo se consumido antes de dormir. Além disso, ele também atua como antiinflamatório e é muito eficiente no tratamento de cólicas menstruais.

Chás típicos da região Norte

Na região Norte, a protagonista é a catuaba, planta que possui propriedades afrodisíacas e que confere energia e vitalidade para aqueles que o consomem, e por isso vem sendo chamada de “energético natural”. Seu sabor é amargo, e seus benefícios estão relacionados ao sistema circulatório, além de ajudar a reduzir a ansiedade, possui ação antioxidante e atuar na memória. Porém, fica o alerta: o chá de catuaba não deve ser tomado por pessoas que possuem doenças cardíacas ou que sofrem de retenção urinária.

Chás típicos da região Nordeste

No nordeste, os chás medicinais são produzidos com uma fruta muito curiosa e de sabor marcante: o tamarindo, tradicional das regiões mais quentes, sendo que o chá é feito com as folhas da sua árvore. Ele é rico em vitaminas e minerais, e proporcionam muitos benefícios para os rins e auxiliam quem possui prisão de ventre leve. Por fim, é importante falar também das sua antioxidante, que previne o envelhecimento precoce.

Por hoje é isso, pessoal! Conte pra gente nos comentários em qual região do Brasil você mora, e qual é o chá que você costuma consumir aí!

Recomendados para você:

Compartilhe com seus amigos!
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •