Camellia sinensis: planta de origem chinesa é a base de vários chás

Chá-verde, branco, preto, vermelho, banchá e machá; chá antioxidante. Sabe o que todos eles têm em comum? São obtidos de uma mesma planta, a Camellia sinensis. Aliada poderosa contra doenças, sobrepeso e envelhecimento.

E hoje você vai entender o porquê. Ou melhor, os porquês. Para isso, vou falar de dois deles, o branco e o verde.

É da Camellia que se produz o chá branco, uma bebida que ajuda a melhorar o humor e prevenir enfermidades cerebrais degenerativas, problemas cardiovasculares e câncer.

Para ser feito, é preciso colher as folhas novas e brotos do vegetal, retirados antes mesmo das flores serem abertas. Os brotos possuem a coloração prateada e são a parte mais nobre da planta. Por isso, a bebida recebe o nome de chá branco.

Neste caso, não há fermentação. O vegetal é vaporizado parcialmente e levado para secar à luz natural. O que justifica sua maior atuação antioxidante e seu menor nível de cafeína, quando comparados aos demais vindos da Camellia sinensis.

E o chá branco ainda contém boa quantidade de catequinas, sendo um importante anti-inflamatório natural e atuando na prevenção de tumores malignos, doenças do coração, fígado e do cérebro – entre elas o mal de Alzheimer e o mal de Parkinson.

Estudos feitos no College of Health and Human Science, nos Estados Unidos, indicam que o chá branco é o mais rico em catequinas, se comparado aos demais do gênero.

Receita de Chá Branco

Use:

  • 3 g de folhas secas de chá branco
  • 300 ml de água

Preparo:

Aqueça a água até cerca de 80 graus, ou seja, um pouco antes de ferver. Apague o fogo e acrescente a planta, deixando-a em infusão por cinco minutos. Coe e tome o chá de duas a três vezes por dia.

Aproveite a bebida quente ou fria, mas em até 24 horas após o preparo. Do contrário, ela perde sua eficiência.

O ideal é fazer o chá na quantidade necessária para cada dia, e usar garrafa térmica ou jarra de vidro para guardar a bebida.

De preferência, não adoce o chá branco. Se não conseguir, no máximo, acrescente 1 colher das de chá de mel para cada xícara.
Açúcar e adoçantes prejudicam o efeito detox da bebida.

Outra dica é adicionar canela em pau na água usada no preparo dela, garantindo um sabor único e especial.

Saiba mais sobre o chá branco em sua página especial.

Chá-verde: produzido com a Camellia sinensis, protege a pele e a saúde

O Chá-verde, também chamado de banchá ou green tea é conhecido por suas propriedades antioxidantes e terapêuticas. É fortemente ligado a benefícios como proteção da pele contra os raios UVB, inibição do surgimento de rugas e prevenção de processos inflamatórios.

É elaborado a partir da Camellia sinenses mais velha do que a do chá branco. Porém, não chega a passar por uma fermentação tão grande, pois suas folhas são colocadas sob vapor e secas logo em seguida.

Então, consegue oferecer uma ação antioxidante considerável em relação ao branco, embora menor. E mais: traz maior concentração de cafeína.

Veja mais benefícios do chá-verde:

  1. Auxilia na regulação do intestino;
  2. melhora a concentração e o estado de alerta;
  3. ajuda a controlar o colesterol e o açúcar no sangue;
  4. favorece a desintoxicação do organismo;
  5. combate a inflamação crônica causada pelo acúmulo de gordura;
  6. estimula as defesas naturais do corpo;
  7. combate a retenção de líquidos e a osteoporose.

Diante de tudo o que foi dito até agora, fica fácil de entender todo o sucesso da Camellia e seus produtos no mundo inteiro.
Para disfarçar o gostinho amargo do chá-verde (se você ainda não se acostumou a ele), bata a bebida no liquidificador com frutas ou acrescente folhas de hortelã.

Anote aí receita de chá-verde com limão:

Ingredientes:

  • 1 Xícara de água
  • 1 Colher (de chá) do chá-verde
  • Suco de meio limão

• Preparo

Coloque as folhas na água já fervida e deixe-as em infusão por dez minutos. Coe, acrescente o suco de limão e beba o chá.

Que tal aproveitar agora o que aprendeu sobre a Camellia sinensis e suas bebidas para deixar sua saúde e forma física ainda melhores, hein?

Recomendados para você:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *