Chá de tanchagem: saiba em que ele pode ser útil

Seu nome oficial é Plantago major L. O chá de tanchagem tem várias propriedades e, embora seja um dos mais usados no Brasil, muita gente ainda não ouviu falar dele, inclusive eu. Ok, aprendemos todo dia, eu sei. Veja o que eu descobri sobre a bebida e sua planta de origem:

  • Existem mais de 200 espécies pelo mundo. Além de nosso país, Estados Unidos e Índia são outros grandes consumidores do chá de tanchagem.
  • É uma planta rasteira que veio da Europa e cresce espontaneamente por aqui, principalmente em áreas úmidas e de clima temperado.
  • Entre nós, a planta é utilizada especialmente devido a suas propriedades diurética, antidiarreica, expectorante, hemostática e cicatrizante.
  • A tanchagem pertence à família das plantagináceas, sendo conhecida popularmente também como erva-de-ovelha, carrajá, acatá e tanchagem-terrestre.
  • Folhas jovens da tanchagem servem de ingrediente para saladas e refogados.
  • O chá de tanchagem é usado para combater doenças como estomatite, faringite, bronquite crônica e amigdalite, entre outras infecções das vias respiratórias superiores.
  • Casos de úlceras pépticas, irritações nos olhos, diarreia, picadas de insetos, queimaduras na pele, acne e prisão de ventre podem ser tratados com as flores e/ou sementes da planta.
  • Flores e sementes de tanchagem são empregadas contra conjuntivite e irritações nos olhos causadas por traumatismos.
  • Há também quem utilize o chá de tanchagem como coadjuvante na tentativa de parar de fumar ou para aliviar os sintomas da TPM, a Tensão Pré-Menstrual.

Conheça outros usos, indicações e benefícios do chá de tanchagem

Chá de tanchagem

  • Dor de dente, desinflamação de gânglios, boca e garganta são outras utilidades da planta
  • A grande ação anti-inflamatória do chá de tanchagem faz dele um aliado nos gargarejos para amenizar dor de garganta e aftas
  • Ajuda a aliviar o desconforto de picada de cobras
  • É indicado para resfriados, doenças pulmonares, asma e bronquite, além de atuar como expectorante
  • Funciona como antineoplásico, ou seja, combate a neoplasia (processo patológico de proliferação celular, que resulta em tumor benigno ou maligno; neoplastia; neoformação)
  • No sistema nervoso, o chá de tanchagem é indicado como antipirético e analgésico
  • O chá de tanchagem é, ainda, antimalárico e anti-helmíntico
  • Problemas circulatórios também podem contar com auxílio do chá de tanchagem, seja no controle de edemas, hemorroidas, diabetes ou na eliminação do excesso de líquidos no corpo
  • Serve para tratar problemas e outras condições do sistema urogenital (indutor de aborto, infecção no trato urinário e vaginite)
  • Tem ação desinfetante para feridas, emoliente (exantema) e cicatrizante
  • Tratamento de abscessos, picada de abelha, leishmaniose cutânea
  • O chá de tanchagem morno é útil em casos de leucorreia, sendo usado para banho de assento
  • A infusão das folhas de tanchagem serve para controlar hemorragia nasal e a tosse
  • Folhas de tanchagem limpas e escaldadas em água fervente podem ser colocadas em feridas ou úlceras, ajudando na cicatrização
  • A erva também é recomendada contra lepra, mordida de cão e fístulas

É tanta doença possível de ser tratada ou aliviada com o chá de tanchagem que existe, inclusive, uma pesquisa etnofarmacológica recente para demonstrar a dimensão do uso de tanchagem no mundo inteiro.

Mas há contraindicações também. São elas: gravidez; em casos de prisão de ventre ou fezes ressecadas; alergia provocada por pólen.

As sementes de tanchagem podem provocar arritmia e parada cardíaca, além de choque anafilático.

Mesmo sendo planta e com diversos benefícios, todo e qualquer tratamento deve ter acompanhamento médico. As dicas e informações descritas aqui não substituem uma consulta ou remédios prescritos por profissionais de saúde.

Usar os recursos da natureza com cautela também é um ótimo remédio!

Até breve com mais dicas de chás…

Recomendados para você:

Comments are closed.